Cruella De vil e a natureza do mal

Atualizado: 18 de mar.

O live-action da icônica vilã da Disney Cruella De Vil chegou ao Brasil em maio de 2021 arrecadando mais de R$1,5 milhão em sua primeira semana nos cinemas. A vilã interpretada por Emma Stone é apresentada como Estella, uma jovem que sonha em trabalhar no mundo da moda ainda muito nova. A personagem assume diferentes personalidades conscientes para tomar o controle de determinadas situações, Estella é uma menina com muitas memórias de sua mãe e doçura, já Cruella é seu lado ousado que assume os riscos de contrariar os padrões da moda e as autoridades no assunto, mesmo que isso lhe custe preços altos como a própria vida.


Você pode estar pensando: ''Tá bom galera da Academia, mas o que a Cruella tem a ver com o vestibular?’'. O professor Caetano da Específica de Humanidades explica para a gente como isso se relaciona com os conceitos de mal de Immanuel Kant!


Kant quando fala sobre a origem do mal, relaciona 4 formas da sua existência, elas são: O mal por fraqueza, quando o indivíduo não tem força sobre si mesmo para se libertar. O mal por impureza, quando o indivíduo age de maneira correta mas não pela lei moral. A malignidade, quando o indivíduo age de maneira má intencionalmente, em busca de algum objetivo. E a vontade diabólica, que é o mal pelo mal.


E aí, você que assistiu o filme, qual mal presente na Cruella De vil?


Spoiler! O mal maligno.


48 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo